A Importância da Comunicação para Liderar

LIDERANÇA E COMUNICAÇÃO

Quando estamos conversando com clientes, para a criação de uma ação de desenvolvimento que fale sobre comunicação, perguntamos quais os principais problemas causados por ela na empresa. Ouvimos diversos problemas que envolvem divergências na forma como o líder quer que algo seja feito e como o time realmente realiza, a falta da comunicação entre as diferentes áreas prejudicando o ambiente, ou até mesmo a falha na comunicação com o próprio cliente, prejudicando a entrega de resultados.

 

A comunicação é muito importante para qualquer papel profissional, mas quando falamos de liderança, falamos de algo ainda mais sério. Afinal, o líder precisa entender o direcionamento da empresa e o que é estratégico para ela e distribuir isso de forma prática dentro de seu time, para que fique claro para cada colaborador o que é necessário realizar, pois a única forma de obter o resultado que se deseja e da forma que se deseja, é deixando essas informações claras.

 

A RESPONSABILIDADE É DE TODOS

comunica2

Precisamos entender que a responsabilidade pelo entendimento das mensagens que estão sendo passadas é 100% de todos que estão participando do processo da comunicação. Portanto, cada um, independente do cargo exercido, carrega essa responsabilidade. Quando olhamos para times, em todos os níveis, sejam eles até mesmo bandas de rock e o público que assiste ao show, cada um carrega a responsabilidade, a plateias, os observadores são igualmente responsáveis pelo entendimento da mensagem e pela propagação da energia que se cria ali.

 

Um exemplo que cabe bem para o entendimento é o da sala de aula. Quando o professor termina de explicar e pergunta se há alguma dúvida, é muito comum os alunos se retraírem e não levantarem a mão para fazer perguntas, mesmo que as tenham. Isto porque o ambiente, muitas vezes, e até mesmo a própria pergunta do professor, sugerem que o não entendimento da matéria é culpa do aluno e não do comunicador e do processo de comunicação utilizado. Mas quando todos têm a compreensão de que a responsabilidade para o entendimento é de todos os presentes, o processo de comunicação se torna diferente e o professor pode mudar sua pergunta para, por exemplo, “eu fui claro em minha explicação?” e os alunos podem se sentir mais a vontade para tirarem dúvidas ou dizer que não entenderam alguns pontos, participando mais da comunicação.

 

MUDAR É NECESSÁRIO

comunica 7

Assim como as estruturas de sala de aula, as empresas estão exigindo uma inversão dos processos, para que haja maior participação das pessoas. O líder separado do time, que dá explicações de um trabalho e espera que este seja executado, dá lugar para um novo papel de liderança que participa do time e executa junto a ele. Isso significa a necessidade de um nível de comunicação muito mais horizontal do que vertical, embora a liderança ainda tenha responsabilidade pela entrega do resultado, pela orientação, pelo direcionamento, pelo entendimento de determinadas coisas e por organizar o time.

 

Outra questão que geralmente é falha, em termo de comunicação, é a pressuposição das pessoas em acreditarem que o líder, por estar nessa posição, sabe de tudo, sendo que nem sempre essa é a realidade. Por esse motivo a liderança conta com sua equipe de especialistas, formada por pessoas que possuem maior entendimento sobre determinados temas e isso precisa estar claro para todos, para que não cause impactos negativos para a empresa.

 

Cabe às lideranças assumirem pequenas ações, práticas e simples que podem ser muito positivas.

 

CÓDIGO DE COMUNICAÇÃO COMUM

comunica3
A primeira delas pode ser o estabelecimento de um código de comunicação que seja comum. Entender como é a comunicação dentro do time, o que é de fácil compreensão e o que não é. Perguntar durante as reuniões o que não está ficando claro ou poderia melhorar e realizar sempre essa ação de feedback para estabelecer uma comunicação mais fluída.

 

Mas para isso é necessário ter a percepção de que as pessoas são diferentes, possuem histórias de vida e mapas mentais diferentes e têm necessidades a serem atendidas de formas diferentes.

 

CANAIS REPRESENTACIONAIS

comunica6
Quando entramos no campo da Neurolinguística, entendemos que há variações no papel dos canais representacionais para cada indivíduo, ou seja, na forma como cada pessoa recebe e absorve as informações do mundo.

 

Isto é, nossa primeira percepção sobre as informações são reconhecidas por estes canais. Temos as pessoas auditivas, mais sensíveis a sons, dados e números, as pessoas visuais, que têm a necessidade de visualizar a mensagem que está sendo passada e as pessoas sinestésicas, as quais prestam maior atenção àquilo que sentem. Quando temos contato com estudos sobre o tema e passamos a nos atentar as essas características, conseguimos perceber indícios e variações na forma como as pessoas falam e agem e podem nos auxiliar na forma de nos comunicar.

 

No papel de responsável pela comunicação, é essencial, portanto, adequar a linguagem para atender a todos os públicos e canais representacionais, nesse sentido.

 

Aqui cabe aquele exemplo da mãe que “já falou mais de mil vezes” e o filho ainda não atendeu ao seu pedido. Nesse caso, na verdade, ela disse algo uma vez e repetiu seu pedido diversas vezes, da mesma forma, nunca conseguindo que a mensagem tivesse efeito sobre a criança.

 

É importante saber que a ação de mudar a estratégia de comunicação permite que mais pessoas sejam atingidas pela mensagem e consigam entender o que está sendo pedido. Precisamos variar a nossa forma de nos comunicar, sermos mais descritivos, mais diretos, mais objetivos, buscar melhorar como a mensagem que passamos vai ser entendida pelos colaboradores e é claro, trabalhar no relacionamento com as equipes e na conexão com cada um deles.

 

SEJA PARTE DO TIME

comunia5
Quer melhorar a sua comunicação como líder?

 

Compartilhe com o time momentos bons e momentos ruins, aumente a proximidade com eles e não apenas nas atividades do trabalho. Promovendo discussões sérias e a aproximação com a equipe, é possível criar uma conexão que colabore com a comunicação e na qual pequenos gestos ou olhares já podem ser percebidos e entendidos.

 

E não são apenas as questões de relacionamento que podem ser trabalhadas, mas também de propósito, questionar e buscar entender quais são seus objetivos e dos colaboradores da sua equipe, em níveis profissionais e pessoais.

 

Para trabalhar comunicação podemos usar diversas estratégias e ferramentas, mas aqui queremos reforçar a importância de estar conectado e entender o outro, em primeiro lugar, para que em um segundo momento as ferramentas possam ser proveitosas, e o impacto positivo que isso pode trazer para a comunicação, para o ambiente de trabalho e para o alcance de resultados.

 


Este artigo foi escrito a partir de um episódio do RiseCast. Confira também nosso podcast de mesmo tema!

A Rise Desenvolvimento Humano é uma empresa especializada em treinamento e desenvolvimento humano. Nós ajudamos empresas a conectar-se com seu verdadeiro propósito, mobilizando suas equipes através de treinamento e desenvolvimento. Construímos soluções de treinamento e desenvolvimento para que sua empresa trabalhe melhor e supere os resultados! http://risedh.com.br/

  • Image
  • Image
  • Image
  • Image

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.